Oi gente! Da última vez que fiz esse post, escolher minha próxima leitura ficou bem mais fácil. Por isso, de novo resolvi pedir a ajuda de vocês para decidir, dentre as opções abaixo, um dos próximos livros que eu vou ler.

O Projeto Rosie - Graeme Simsion
Editora: Galera Record
Sinopse: Para se ter a vida de Don Tillman, não é preciso muito esforço. Às terças-feiras come-se lagosta com salada de wasabi (seguindo um roteiro com refeições padronizadas que evitam o desperdício de ingredientes e de tempo no preparo); todos os compromissos são executados de acordo com o cronograma - alguns minutos reservados para a prática do aikido e do caratê antes de dormir; uma hora para limpar o banheiro; três dias da semana reservados para suas idas à feira – e se, apesar dessa programação, algum desagradável contratempo surgir em sua rotina, não há nada que não possa ser solucionado com meia hora de pesquisa científica. Exceto as mulheres. Até o momento, a única coisa não esclarecida pelos estudos no campo de atuação de Don, a genética, é o motivo para sua incapacidade de arrumar uma esposa. Uma namorada ao menos? Ou até mesmo uma amiga para somar ao seleto grupo de amigos de Don, formado por Gene, também professor na universidade, e a mulher dele, Claudia, psicóloga e esposa muito compreensiva. Para solucionar esse problema do modo mais eficaz, Don desenvolve o Projeto Esposa, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a filtrar candidatas inadequadas a seu estilo de vida: fumantes JAMAIS, e mulheres que se atrasam por mais de cinco minutos ou que usam muita maquiagem estão fora dos critérios pouco flexíveis que o levarão à mulher ideal. O único problema é que um questionário desse tipo exige tempo e dedicação, duas coisas que começaram a diminuir exponencialmente no cotidiano de Don desde que ele conheceu Rosie: fumante, vegetariana e incapaz de chegar na hora marcada. Ou esse era o único problema até Rosie entrar na vida de Don e - despretensiosamente, uma vez que ela nunca se candidatou ao Projeto Esposa - mostrá-lo que a mulher ideal não existe, mas o amor, sim.

Esse é um daqueles livros que eu ainda não conhecia até que todo mundo começou a falar muito bem sobre ele em toda a blogosfera. Fiquei super curiosa e resolvi pedir a Milla (nossa amiga) o livro emprestado. Ele parece ótimo e acho que vou me divertir muito lendo.


Gameboard of the Gods - Richelle Mead
Sinopse: Em um cenário futurístico onde o mundo quase foi destruído por extremistas religiosos, Justin March vive em exílio depois de falhar em uma missão como investigador de grupos religiosos e fenômenos sobrenaturais. Ele recebe uma segunda chance quando Mae Koskinen o leva para a República Unida da América do Norte (RUAN). Proveniente de uma casta aristocrática, Mae agora faz parte da facção de elite mais aterrorizante do exército, possuindo habilidades e reflexos aprimorados. Quando Justin e Mae são designados para trabalhar juntos na solução de uma série de assassinatos ritualísticos, logo percebem que suas descobertas os expuseram a perigos terríveis. Conforme a investigação avança, inimigos desconhecidos e poderes maiores do que podem imaginar estão se reunindo nas sombras, prontos para reclamar o direito sobre um mundo em que os humanos são meras peças em seu tabuleiro.

Eu adoro os livros da Richelle Mead e logo quando vi essa capa, resolvi que eu precisava comprar esse livro. Porém, não sei por que, estou enrolando bastante pra começar a leitura e acho que preciso de um empurrãozinho. A história parece ótima e espero gostar do livro.


Editora: Rocco
Sinopse: A jovem guerreira Katsa tem olhos de cores diferentes: um azul e outro verde. Esta peculiaridade não ressalta apenas a beleza da jovem, mas também a marca de um verdadeiro graceling, alguém com um dom extraordinário. Alguns são excelentes nadadores, dançarinos, cozinheiros, matemáticos. Mas o dom de Katsa é diferente e único: ela possui a habilidade de lutar e matar. Por causa disto, é usada como assassina pelo cruel rei de Middluns, o seu próprio tio. Consumida pela culpa, Katsa cria o Conselho, uma confraria, a partir da qual passa a promover missões secretas para prevenir injustiças e lutar pela liberdade. Combinando elementos de fantasia e romance, Cashore retrata habilmente as crises, descobertas e angústias de Katsa. Evitada e temida pelo seu Dom, a jovem luta com questões de liberdade, verdade e lealdade enquanto tenta sair do domínio maligno de seu tio. Uma tarefa complicada para quem cresceu sem muitos amigos. A reviravolta na vida de Katsa começa quando conhece um misterioso jovem, durante uma missão de resgate orquestrada pelo Conselho. De volta para Middluns, Katsa descobre que Pó é o mais jovem dos herdeiros do reino de Lienid, neto do ancião que resgatou e também um Graceling. Diferentemente dos outros, Po não a teme e se mostra capaz de olhá-la nos olhos. E com o seu misterioso dom, parece ser o único capaz de enfrentar Katsa em combate. Juntos, os dois Graceling partem numa aventura para encontrar o responsável pelo sequestro do avô de Po e descobrem muito mais do que esperavam sobre seus dons, suas vidas e sobre o futuro de todos os 7 reinos.

Alguma dúvida de que eu iria querer ler esse livro? Conheço ele há séculos, mas nunca tive a oportunidade de ler. Ontem, a Adri me emprestou e estou bem entusiasmada pra começar a leitura. Tenho certeza que vou adorar a história.

Bom, são esses três livros. Alguma sugestão de qual ler? Obrigada! *-*


Um Comentário

  1. Ish Iza são três ótimas opções, não li nenhum mas eu voto em Graceling - O Dom extraordinário. É bem mais fácil quando você coloca os livros em uma votação não é? Mesmo que seja pra você mesma votar, estou fazendo isso agora e está mais fácil decidir também. Boa leitura!!!

    Beijos, Greice.
    diariodaalvorada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.