Oi gente! Vi essa tag no canal Pausa para um Café da Anna Schermak (a tag foi criada por ela) e não consegui segurar a vontade de responder também. Espero que gostem :) E vocês? Já foram assistir Guerra Civil? Eu fui na sexta-feira passada (um dia depois da estreia) e estou morrendo de vontade de ver de novo. Adorei!

1. Capitão América: Um livro que você entende as referências


Perdido em Marte - Andy Weir: A história faz várias referências a livros, filmes, músicas e séries da cultura pop.

2. Homem de Ferro: Um livro que você quer, mas é muito caro e só sendo rico pra comprar


Odisseia - Homero: Na edição linda da Cosac Naify.

3. Homem Aranha: Um livro que agrada todo mundo


Harry Potter - J. K. Rowling: Provavelmente não agrada todo mundo, mas é difícil encontrar alguém que não goste nem um pouquinho de Harry Potter.

4. Homem Formiga: Um pequeno livro com uma grande história


O Oceano no Fim do Caminho - Neil Gaiman: É um livro curto, mas muito lindo.

5. Feiticeira Escarlate: Um livro que pode mudar a realidade


A Christmas Carol - Charles Dickens: Gosto muito da mensagem dessa história e foi o primeiro em qual pensei quando li a pergunta. 

6. Pantera Negra: Pseudônimo de um grande autor


Robert Galbraith: J. K Rowling.

7. Bucky (Soldado Invernal): Um livro que você leu no passado e ainda gosta muito


O Pequeno Príncipe - Antoine de Saint-Exupéry: Minha mãe adora esse livro. Conheço a história desde criança.

8. Viúva Negra: Um livro escrito por uma mulher, com uma protagonista mulher.


Orgulho e Preconceito - Jane Austen: Simplesmente porque amo esse livro.

9. Gavião Arqueiro: Um livro que ninguém dá bola, mas ele tem o seu valor.


Finnikin, O Guerreiro - Melina Marchetta: Nunca vi ninguém comentando sobre esse livro, mas gostei bastante quando eu li.

10. Visão: Um livro com um começo ruim, mas com um bom final


Golem e o Gênio - Helene Wecker: Não consegui pensar em nenhum com um início ruim mesmo. Escolhi Golem e o Gênio só porque o início é um pouco devagar, mas esse livro é lindo, e eu adorei.

Créditos: Anna Schermak (Pausa para um Café)



Tecnologia do Blogger.