Oii! Apesar de o mês de agosto levar três anos para passar (e ainda não acabou!), não foi um mês produtivo para mim. Acho que não fiz nada do que devia ter feito o mês inteiro, e isso inclui colocar em dia leituras e resenhas atrasadas. Li sete livros, até que foi um número bom, porém pretendia ler bem mais. De qualquer forma, gostei bastante de quatro deles, gostei de outros dois e só um que não achei tão bom assim, então pelo menos a maioria deles foram leituras boas.

 
1. Dama da Meia-Noite – Cassandra Clare: Um livro sobre os caçadores de sombras é sempre bom, mesmo a Cassandra já tendo claramente exagerado demais nessa história. Mas, até eu enjoar, não vou conseguir deixar de ler. A Galera disponibilizou esse e eu fiquei meio receosa de ler, por medo das expectativas altas demais, mas elas não foram um problema. Simplesmente viciei, como sempre acontece, e li o livro todo o mais rápido que consegui. Agora é morrer de curiosidade na espera para o próximo.
2. O Projeto Rosie – Graeme Simsion: Conheço esse livro faz anos, mas nunca tinha prestado realmente atenção nele. Porém, quando a Record disponibilizou a continuação dele, resolvi ir atrás desse. Gostei da história, é muito bem construída e tudo mais, mas acho que não estava no momento de ler um livro nesse estilo. Acabei achando meio lento e fiquei com a sensação de que não terminava nunca, mesmo tendo achado a história ótima.

 
3 e 4. Para Todos os Garotos Que Já Amei (resenha) e P.S: Ainda Amo Você – Jenny Han: Como falei na resenha do primeiro, não sei exatamente o porquê de eu nunca ter lido esses livros antes. Terminei a leitura do primeiro completamente apaixonada, e o segundo só serviu para aumentar ainda mais minha paixão por essa série. A autora ainda vai lançar um terceiro livro, porém a história foi finalizada perfeitamente nesse segundo, então nem sei se vou ler o terceiro porque talvez estrague a história (mentira, vou ler sim, qualquer coisa é só fingir que ele nunca existiu).

  
5. Sedução da Seda – Loretta Chase (resenha): Estava na expectativa de ler esse livro desde maio, quando a Arqueiro mandou o livro, porém só consegui pegá-lo esses dias, e fui direto lê-lo. Vi muita gente que não gostou, porém eu adorei. Não sou tão fã assim da outra série da autora, e isso acabou fazendo com que eu gostasse mais ainda desse. Adorei.
6. A Garota do Calendário – Janeiro – Audrey Carlan: Não pretendia ler esse, porém está todo mundo falando tanto dessa série que resolvi dar uma chance e descobrir o porquê de todo mundo ter adorado tanto. Foi uma leitura extremamente rápida, porém não achei tudo aquilo que estão dizendo não. Talvez os outros livros da série sejam melhores, mas não vou lê-los tão cedo.
7. Serviço Secreto – Lee Child: Depois de ler a sinopse as expectativas ficaram bem altas, porém mesmo assim gostei do livro. Porém, acho que teria gostado bem mais se tivesse lido a série toda na sequência, e não um livro aleatório do meio da série. Não por conta de fatos sem explicação ou algo do tipo, a história realmente pode ser lida independentemente, mas sempre é melhor ler na ordem porque você acaba se conectando com os personagens. Mas fiquei bem curiosa com a história do personagem principal e tenho vontade de ler os outros livros da série.


Agosto demorou tanto para terminar que tenho a sensação de que li alguns desses livros faz meses, então tive um pouco de dificuldade em escolher o favorito, e decidi escolher dois. Dama da Meia-Noite foi um livro que amei quando li, porém foi lá nos primeiros dias do mês e já consegui tirar um pouco ele da minha cabeça. Mesmo assim, continua um favorito. O segundo favorito é o P.S: Ainda Amo Você, porque ele é lindíssimo, não tem como ler ele e não ficar completamente apaixonada. Dá vontade de pegar ele para reler o tempo todo. Então, essas foram as minhas leituras do mês. Agora em setembro devo ler bem menos, tenho que colocar em dia as coisas da faculdade, o TCC, e ainda a maioria das séries volta. Mas e vocês, leram o que esse mês?



Oi! Acabei de comprar um monte de livros nas promoções da Saraiva e da Amazon, mas resolvi mesmo assim trazer alguns livros que estão nos meus desejados. São três séries e um livro daqueles livros caríssimos, que estão a tempos na wishlist, esperando aparecer alguma alma boa que queira trocar eles rs, e mais dois livros que foram lançados faz pouco tempo e estou procurando uma promoção. Tomara que gostem!

  
 Tenho eles em inglês, mas estão feios e queria eles em português. Sou apaixonada por essa série, e morro de vontade de reler sempre (e ler o último, que ainda não li), mas em inglês dá um pouco de preguiça. Está bem difícil de achar, onde tem é caríssimo.

  
Tenho os outros oito livros da série, todos conseguidos por troca, e esses estão faltando. Estou esperando completar a coleção para poder ler a série toda em sequência, mas já li e adorei os dois primeiros (apesar de ter morrido de medo).

  
Esses não estão tão caros, se fosse só um eu comprava, mas são três, ai acaba ficando bem caro. Também estou esperando completar a coleção para ler tudo de uma vez, sou completamente apaixonada pelo primeiro e mal posso esperar para ter todos em mãos e poder ler.

  
As Irmãs Romanov: Esse livro está impossível, simplesmente não baixa o preço. Agora com o desconto progressivo da Saraiva quase comprei, mas ainda está extremamente caro e acabei comprando outros dois no lugar dele. Será que algum dia consigo ele?
Lembrança: Este não está tão caro, mas estou esperando baixar um pouco, ou quem sabe aparecer alguém trocando. Sou apaixonada pela série A Mediadora, e nem consigo imaginar o quanto esse livro vai ser lindo.
O Medo Mais Profundo: Esse nem saiu ainda, mas já estou desesperada por ele. Depois vai ficar faltando só mais um para completar a série do Myron Bolitar, e mal posso esperar para poder ler/reler todos eles em sequência.

Então, esses são os meus mais desejados do momento. Fiz algumas comprinhas esses dias e esses são alguns dos que eu não consegui comprar. E vocês, quais são os seus desejados? Andaram aproveitando as promoções nas livrarias online, ou na Bienal? Já leram algum desses? Recomendam, não recomendam?


Para Todos os Garotos Que Já Amei – Jenny Han:
Série: Para Todos os Garotos Que Já Amei #1
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 320
Classificação: 5/5

Resenha:
Eu já tinha ouvido falar milhões de vezes sobre esse livro, mas nunca dei muita atenção a ele, apesar de parecer ser bonitinho. Porém, esses dias vi um quote dele no facebook e fiquei morrendo de vontade de ler. Peguei e não larguei até terminar. Não sei dizer exatamente o que me encantou nele, acho que foi tudo. A história que a autora trouxe pode não ser novidade, mas ela a contou de um jeito que fez toda a diferença. Terminei completamente apaixonada.

Aqui temos Lara Jean, uma garota que já se apaixonou por cinco garotos durante a sua vida, mas em vez de admitir isso a eles, ela escrevia uma carta a cada um deles e as guardava em uma caixa. Não eram cartas a serem enviadas, eram cartas para que ela confessasse seus sentimentos e os superasse. Ela nunca quis envia-las. Eram particulares. Mas, de algum jeito, elas encontrarão seus destinatários, e a vida de Lara Jean vai virar de cabeça para baixo.

Como se não bastasse ela ter que se adaptar para ser a irmã mais velha e cuidar de sua irmã mais nova e de seu pai, já que Margot, a verdadeira irmã mais velha, acabou de sair de casa para cursar a faculdade em outro país, Lara Jean agora ainda vai ter que arrumar um jeito de arrumar a bagunça causada pelas cartas. Elas não seriam grande coisa, uma vez que a maioria foi escrita muitos anos antes, e os garotos nem iriam dar muita atenção. O problema era a última delas, escrita para o último garoto pela qual fora apaixonada.

Josh não era somente seu vizinho, como também o recente ex-namorado de Margot, aquele a qual ela somente largou porque estava indo para outro país e não queria ser “a garota que passa a faculdade toda chorando com saudades do namorado”. Josh era seu melhor amigo, e ela vivia junto com ele e a irmã. Ela não podia deixá-lo saber o quão verdadeira era aquela carta. Ela não queria lidar com a verdade, ela não podia deixar que nada mudasse entre eles. E, para resolver isso, ela vai inventar um namorado.

E quem melhor que Peter Kavinsky, que fora seu amigo, e sua primeira paixão? Principalmente quando ele está passando bem em frente a ela e Josh na escola, quando ela não consegue mais fugir dele e ele a confronta sobre a carta. É tudo muito rápido, quando Lara Jean percebe, ela já falou para Josh que está namorando, e já agarrou Peter no meio do corredor, na frente de todo mundo. É muito tarde para ela pensar que o namorado poderia ser inventado, não precisava existir.

E o momento não poderia ser mais oportuno para Peter, tendo acabado de terminar o namoro com Genevieve, a melhor amiga de infância de Lara Jean. Eles eram o casal mais famoso da escola, todo mundo queria ser como eles. E ninguém acreditava que eles iriam ficar separados por muito tempo. Assim, Peter vai fazer uma proposta para Lara Jean: eles serão namorados de mentira. Dessa forma, Josh vai se esquecer da carta, e todo mundo vai acreditar que Peter superou Genevieve, que não vai voltar para ela assim que ela quiser.

Mas eles estão enganados em pensar que um namoro, mesmo que de mentira, não vá mexer com eles. Afinal de contas, eles já foram amigos uma vez. Eles apenas esqueceram tudo o que gostavam um do outro quando se distanciaram muitos anos antes. Mas agora os dois estão diferentes, e um acordo como esse não tem a menor chance de terminar do jeito que eles pretendiam. E, quanto mais tempo passam juntos, mais e mais eles vão perceber isso, mesmo que não queiram admitir.

Para Todos os Garotos Que Já Amei foi uma surpresa muito agradável. Não esperava nada dele, e acho que foi por isso que gostei tanto. É um livro leve, divertido e envolvente, você lê ele inteiro sem nem perceber. E teve uma coisa nele que eu gostei muito, e me surpreendi. Ele me fez mudar a opinião completamente em relação ao Josh e ao Peter. Normalmente, logo no início já percebo de quem vou gostar, e é quem eu acabo gostando mesmo. Mas nesse comecei adorando um e terminei completamente apaixonada pelo outro, foi maravilhoso.

Esse livro provavelmente não é um livro que vai mudar sua vida, não é um livro que todo mundo precise ler, mas é um livro muito bonitinho. Indico a todos que tiverem procurando uma história leve, simples e fofa, querendo terminar de ler com um sorriso no rosto (ou não, você vai terminar querendo desesperadamente ler o segundo).

Série:
1. Para Todos os Garotos Que Já Amei
2. P.S.: Ainda Amo Você
3. Always and Forever, Lara Jean.


Oi gente! Gostaria de pedir a ajuda de vocês para decidir, dentre as opções abaixo, um dos próximos livros que eu vou ler. Não li muito esse ano e espero conseguir aumentar minha meta. Obrigada! :)

O Rei do Inverno - Bernard Cornwell
Série: As Crônicas de Artur #1
Sinopse: O rei do inverno é o primeiro volume da trilogia As crônicas de Artur do escritor inglês Bernard Cornwell sobre o lendário guerreiro Artur, que passou para a história com o título de rei, embora nunca tenha usado uma coroa. Um dos mais importantes autores britânicos da atualidade, Cornwell já foi traduzido para mais de dezesseis línguas e seus romances alcançaram rapidamente o topo das listas de mais vendidos: foram mais de 4 milhões de exemplares em todo mundo. A chave de seu sucesso está na criteriosa pesquisa histórica e na narrativa envolvente com a qual Cornwell disseca a vida de seus personagens. O rei do inverno conta a mais fiel história de Artur, sem os exageros míticos de outras publicações. A partir de fatos, este romance genial retrata o maior de todos os heróis como um poderoso guerreiro britânico, que luta contra os saxões para manter unida a Britânia, no século V, após a saída dos romanos. O valoroso soldado cresce dentro do exército do rei e dentro da narrativa de Corwell até se tornar o melhor amigo e conselheiro de Artur na paz e na guerra. Cornwell resgata, em O rei do inverno, curiosidades dos confrontos no início da era cristã, como o ritual do xingamento. Os comandantes dos exércitos rivais esquentavam o ânimo para a batalha se encontrando no meio do campo e trocando insultos.

Já faz bastante tempo que tenho O Rei do Inverno e ainda não consegui pegá-lo pra ler. Já vi vários comentários positivos sobre essa série e, até agora, gostei bastante dos livros que li do Bernard Cornwell. Adoro a história de Artur e realmente espero gostar da leitura.

O Misterioso Caso de Styles - Agatha Christie
Sinopse: Quando Mr. Hastings encontra seu velho conhecido John Cavendish casualmente e aceita seu convite para passar uma temporada na enorme e isolada casa de campo de Styles, não imagina a misteriosa trama que o espera. Mrs. Emily Inglethorp, madrasta de John e Laurence Cavendish, herdou a propriedade de seu marido e tem todo o controle sobre patrimônio da família. Seu segundo marido é Alfred Inglethorp, vinte anos mais novo, cujo passado é nebuloso, o que causa enorme apreensão nos filhos de Mrs. Emily e nos demais moradores de Styles. A tensão na propriedade chega ao limite quando Mrs. Emily é encontrada trancada em seu quarto nos últimos estertores e morre com o nome de seu marido nos lábios. Morte natural ou envenenamento? Quem além de seu marido teria interesse em sua morte? Como ela pode ter sido envenenada? Para responder a todas essas perguntas, Mr. Hastings, velho amigo de Hercule Poirot, pede autorização à família para chamar o excêntrico detetive belga. O astuto e simpático detetive analisa as evidências, entrevista testemunhas e o leitor vai seguindo seus passos a partir da envolvente narração de Mr. Hastings. E a ele fica o desafio: diante de provas desconexas, testemunhos duvidosos e inúmeras reviravoltas, como o sagaz Poirot irá desvendar esta imbricada trama onde ninguém é exatamente o que parece? Neste que é o primeiro romance escrito por Agatha Christie, já estão presentes as marcas que a tornarão a maior escritora de suspense de todos os tempos: o mais famoso detetive, as personagens extremamente bem caracterizadas, a trama em que todos são suspeitos e o final estarrecedor, com todas as personagens reunidas – final que foi alterado pelo primeiro editor e aparece restaurado nessa versão.

No final de abril desse ano, resolvi que iria participar do projeto de leitura da Agatha Christie. Infelizmente, ainda não li nenhum livro da autora e estou totalmente atrasada na meta (shame! shame! shame!). Preciso começar logo.

Mr. Mercedes - Stephen King
Série: Bill Hodges #1
Sinopse: Nas frígidas madrugadas, em uma angustiante cidade do Centro-Oeste, centenas de pessoas desempregadas estão na fila para uma vaga numa feira de empregos. Sem qualquer aviso um motorista solitário irrompe no meio da multidão em um Mercedes roubado, atropelando os inocentes, dando ré e voltando a atropelá-los. Oito pessoas são mortas, quinze feridos. Em outra parte da cidade, meses mais tarde, um policial aposentado chamado Bill Hodges é ainda assombrado por um crime sem solução. Quando ele recebe uma carta enlouquecida de alguém que se auto-identifica como privilegiado e ameaça um ataque ainda mais diabólico, Hodges acorda de sua deprimente e vaga aposentadoria, empenhado em evitar outra tragédia. Brady Hartfield vive com sua mãe alcoólatra na casa onde ele nasceu. Ele adorou a sensação de morte sob as rodas da Mercedes, e ele quer aquela corrida de novo. Apenas Bill Hodges, com um par de aliados altamente improváveis, pode prender o assassino antes que ele ataque novamente. E eles não têm tempo a perder, porque na próxima missão de Brady, se for bem sucedido, vai matar ou mutilar milhares. 
Mr. Mercedes é uma guerra entre o bem e o mau, do mestre do suspense, cuja visão sobre a mente deste obcecado assassino insano é arrepiante e inesquecível.

Estou morrendo de vontade de ler essa série. Li O Iluminado e Doutor Estranho ano passado e simplesmente adorei. Como gosto bastante de histórias policiais, acho que vou passar esse livro na frente de outros do autor.   


Sedução da Seda – Loretta Chase:
Série: As Modistas #1
Editora: Arqueiro
Número de páginas: 295
Classificação: 5/5

Resenha:
Todo mundo fala muito bem da autora por conta da série dela de O Príncipe dos Canalhas, mas eu não achei tudo aquilo que estavam falando. Claro, os livros são ótimos, mas tem outras séries que eu gosto bem mais. Mesmo assim, estava com expectativas altíssimas para esse livro, mesmo já tendo visto muita gente falando mal. E fico feliz em dizer que, dessa vez, as expectativas foram superadas. Loretta Chase trouxe uma história viciante e eu mal posso esperar para ler os outros livros dessa série.

Em Sedução da Seda temos a história da primeira das irmãs Noirot, Marcelline. Desde pequena, ela sempre precisou ser responsável. Afinal de contas, os pais viviam largando ela e as irmãs por aí para aplicar golpes e ganhar dinheiro. Depois da morte dos pais, Marcelline tomou para si a responsabilidade de cuidar das irmãs e da filha. Para isso, elas vieram para Londres e abriram um ateliê. Marcelline se orgulha em ser a maior modista de Londres, mesmo que a sociedade ainda não a veja assim. Afinal de contas, a Maison Noirot ainda não possui o prestígio dos outros ateliês, e todos sabem que as damas da sociedade só vão em lugares reconhecidos.

Elas só precisam de uma dama da alta sociedade como cliente, e logo em seguida todas as damas vão querer vestidos produzidos pela Maison Noirot. Afinal de contas, os vestidos produzidos por Marcelline são realmente de um nível bem superior ao dos ateliês concorrentes. E assim, elas decidem que precisam vestir Lady Clara Fairfax, a futura duquesa de Clevedon. E Lady Clara realmente precisa da ajuda delas, uma vez que seus vestidos não realçam nem um pouco sua beleza. Mas, para isso, elas precisarão convencer primeiro o duque de Clevedon, e Marcelline tem um plano.

Assim, Marcelline viaja até Paris, onde Clevedon está aproveitando seus últimos momentos de liberdade antes de retornar a Londres e pedir Lady Clara em casamento. Seu plano é simples, ela vai convencê-lo de que Lady Clara precisa dela como modista, mesmo que para isso ela tenha que seduzi-lo primeiro. Mas nada vai prepará-la para o que vai encontrar. Clevedon não possui apenas uma beleza imensa, ele também sabe muito bem como usá-la a seu favor. E ele não vai deixar uma modista simplesmente vir e fazer o que quiser com ele.

Ela vai ter que se esforçar, e vai descobrir um oponente tão decidido quanto ela. E, mesmo que tudo o que ela queira seja a oportunidade de vestir a futura duquesa de Clevedon, Marcelline não vai ser imune aos encantos de Clevedon. Ela pode até conseguir o que queria inicialmente, mas nada vai ser como antes de eles se conhecerem. Nem Marcelline nem Clevedon vão conseguir ignorar um ao outro, não importa o quanto tentem.

Uma coisa que me incomodou no livro foi o triângulo. Eu via Marcelline e Clevedon se envolvendo cada vez mais, ao mesmo tempo em que ele dizia amar a Lady Clara, e que ela dizia que tudo o que queria era vestir a futura duquesa. Mas Lady Clara era a última coisa na cabeça deles, como se ela fosse uma desculpa a ser usada. Mesmo torcendo para eles ficarem juntos, eu não via como eles poderiam fazer isso sem acabar magoando ela. Mas não sei porque fui me preocupar, Lady Clara é uma personagem incrível, e que me surpreendeu bastante. Estou morrendo de curiosidade para saber como ela vai conseguir o seu “final feliz” no último livro.

Vi muita gente falando que não gostou do livro por conta do caráter das irmãs Noirot, de elas não se importarem com os outros, quererem tirar vantagem a todo o custo, mas não vi desse jeito. Claro, elas tentam tirar vantagem sim, mas elas não causam nenhum mal real. Elas podem manipular boatos, trapacear, mas vão fazer tudo isso com o melhor dos objetivos, nada por maldade mesmo. Elas apenas sabem aproveitar bem as oportunidades que surgem.

E, apesar da família que tiveram, de tudo o que aprenderam com os pais e parentes, elas buscam sim fazer o bem. Elas poderiam fazer o seu trabalho de qualquer jeito, mas elas se dedicam ao máximo, pois acreditam que a roupa pode sim fazer a diferença na vida daquelas mulheres. Elas não vendem apenas vestidos, elas vendem vestidos que fazem com que as mulheres se sintam bonitas, acreditem em si mesmas, tenham autoconfiança.

Sedução da Seda é apenas o primeiro livro da série As Modistas, mas já me encantou e me deixou curiosa pelas próximas histórias, não somente as das irmãs da Marcelline, mas também pela história da Lady Clara. A edição da Arqueiro está lindíssima. Alguém já viu uma capa mais maravilhosa que essa? Combina perfeitamente com a história. E a edição também está muito caprichada, diagramação simples mas bem feita, como sempre. Indico sim esse livro a todos que gostam de um bom romance de época.

Série:
1. Sedução da Seda
2. Scandal Wears Satin
3. Vixen in Velvet
4. Dukes Prefer Blondes.


Oii! Pensei que ia demorar para trazer a próxima caixinha, mas os correios foram legais comigo e os livros que comprei no Better World Books chegaram rapidamente. Então, temos mais uma caixinha. São dez livros de compras, um de parceria da Arqueiro e um disponibilizado pela Record, espero que gostem!




The Constant Princess, The Other Boleyn Girl, The Boleyn Inheritance, The Taming of the Queen, The Queen’s Fool, The Virgin’s Lover e The White Queen – Philippa Gregory: Fazia milhões de anos que eu tentava comprar/trocar essa série em português, mas nunca conseguia, estava sempre caríssimo. Então, abri o Better World Books esses tempos e fui achando todos disponíveis, e ainda em promoção. Obviamente, comprei. Está faltando só o último livro que saiu, que quando comprei esses não encontrei a venda lá (mas encontrei depois e estou morrendo de vontade de comprar). E aproveitei e já comprei o The White Queen, que é outra série da autora, mas parece ser meio relacionado. Mal posso esperar para ler, eles vieram em ótimo estado (com exceção do The Virgin’s Lover, que veio com a capa colada com durex porque parece que foi arrancada :/ ), e são edições lindíssimas (principalmente o The Taming of the Queen, que é de outra editora e tem desenhos na contracapa, é lindo demais!). Espero não ter dificuldade com o inglês dessa série, e que eu goste bastante, já que já comprei a série inteira.

Sedução da Seda – Loretta Chase: Solicitei esse livro para a Editora Arqueiro lá em maio, mas foi para a casa da Iza e nós temos uma dificuldade imensa em nos encontrarmos, então fui conseguir pegar com ela só agora. Ouvi pessoas falando muito bem dele, e outras falando não tão bem, mas mesmo assim estou esperando gostar bastante. Tomara que seja bom!
Serviço Secreto – Lee Child: Vi a divulgação desse livro no facebook, mas tentei não prestar muita atenção, já que ele faz parte de uma série e não é o primeiro, então não queria nem ficar com vontade de ler. Porém, a Record nos disponibilizou ele, então acabei dando uma olhada na sinopse e já estou morrendo de vontade de ler. Claro, preferia ler na ordem da série, mas fazer o quê, se gostar procuro os outros e leio esse de novo rs.

Segredos de um Pecador – Madeline Hunter, Manhã de Núpcias e Paixão ao Entardecer – Lisa Kleypas: Esses estavam nos meus desejados a tempo também, e achei eles a venda baratíssimos, e acabei não resistindo. Agora que tenho Segredos de um Pecador posso pegar e ler a série inteira de uma vez, já que adorei o primeiro livro, e a série dos Hathaways, apesar de não ter gostado tanto assim do primeiro livro, espero gostar mais dos outros, já que adoro a outra série da Lisa.

Então, esses são os últimos livros que chegaram. Livros históricos e romances de época dominaram a caixinha, só teve um policial lá de diferente rs. Espero ter bastante tempo para ler durante esse semestre, porque estou cheia de livros maravilhosos esperando para serem lidos. E vocês, o que receberam nos últimos tempos? Já leram algum desses?


Tecnologia do Blogger.