Oii! Acabei de perceber que essa é recém minha segunda caixinha do ano, como estou controlada rs. E o melhor, essa caixinha é inteiramente de trocas e de livros de parceria, não comprei absolutamente nada (sem comentários sobre a próxima, fiz a festa na promoção do Submarino).

Era Uma Vez no Outono – Lisa Kleypas (resenha): Eu amei o primeiro livro da série, então, quando esse apareceu nos lançamentos, solicitei na hora para a Editora Arqueiro. E, assim que chegou, peguei para ler. Serviu só para me fazer me apaixonar mais ainda por essa série, o livro é maravilhoso! Mal posso esperar para o terceiro, o primeiro capítulo dele disponibilizado no final desse já me deixou ansiosíssima.
A Garota Sem Passado – Michael Kardos (resenha): Esses livros não tão conhecidos que a Arqueiro lança costumam me interessar, e esse não foi diferente. Porém, como falei na resenha, teve um fator que estragou a leitura do livro para mim, apesar de a história ser bem interessante. Acabei não gostando tanto quanto teria gostado caso o autor não tivesse optado pelo estilo de narrativa que optou.

O Peão – Steven James e No Bosque da Memória – Tana French: Dois livros policiais que estavam a séculos nos meus desejados, e que finalmente consegui por troca. E foram ótimas trocas, os dois livros estavam em excelente estado, parecem novos. Conheci os dois no blog S2 Ler a um tempão atrás, e desde então não os achava por um preço bom nem para troca. Mal pude acreditar quando, na mesma semana, consegui os dois. Agora espero conseguir tempo para lê-los, o que anda sendo difícil.

Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar – Sarah MacLean: A sinopse desse livro não me interessou tanto, não sei porquê. Mas, é um romance de época, e ainda escrito pela Sarah MacLean, que é tão elogiada por todos. Então, decidi solicitar para a Editora Arqueiro mesmo assim, e mal posso esperar para ler.
Voo Fantasma – Bear Grylls: Eu nunca tinha ouvido falar de Voo Fantasma até eu recebê-lo pelo Correio. A Editora Record nos mandou numa ação de divulgação do livro, e eu fiquei interessadíssima assim que li a sinopse. É um livro que envolve suspense, conspiração, e parece que até segredos da Segunda Guerra Mundial! Comecei a ler ele no feriado e estou adorando, só não terminei ainda porque não tive tempo.

Então, esses são os seis livros que chegaram no último mês. Como podem ver, nenhuma compra. Espero conseguir ler logo os que ainda não li, porém os dois policiais provavelmente vão acabar ficando para depois, já que ando dando preferência para os livros mais leves (por isso a grande quantidade de romances de época), já que ando sem muita vontade de ler por conta dos milhões de artigos e livros e tudo o mais que tenho que ler para o TCC. Mas e vocês, o que andaram recebendo? E lendo?

Obs.: Era Uma Vez no Outono está emprestado, por isso não está na foto junto com todos os livros.


Oi gente! Eu adoro responder tags, então quando vi essa no blog Livreando, eu não pude deixar passar a oportunidade. Essa tag foi criada pela Mayara Lima. Espero que gostem :)

1) Escolher 5 livros.
2) Escolher uma frase/um trecho de cada livro que você ache que convencerá alguém a lê-lo, ou que cause alguma curiosidade sobre o livro em questão.
3) Indicar blogs para fazerem a tag: Quem quiser, fique a vontade para responder também.


Golem e o Gênio - Helene Wecker
''Você não está considerando a solidão. Todos nós nos sentimos solitários de vez em quando, e não importa quantas pessoas tenhamos a nossa volta. De repete, encontramos alguém que parece nos compreender. Ela sorri, e por um instante a solidão desaparece. ''

 

''Muito além, nos confins inexplorados da região mais brega da Borda Ocidental desta Galáxia, há um pequeno sol amarelo e esquecido. Girando em torno deste sol, a uma distância de cerca de 148 milhões de quilômetros, há um planetinha verde-azulado absolutamente insignificante, cujas formas de vida, descendentes de primatas, são tão extraordinariamente primitivas que ainda acham que relógios digitais são uma grande ideia. Este planeta tem – ou melhor, tinha – o seguinte problema: a maioria de seus habitantes estava quase sempre infeliz. Foram sugeridas muitas soluções para esse problema, mas a maior parte delas dizia respeito basicamente à movimentação de pequenos pedaços de papel colorido com números impressos, o que é curioso, já que no geral não eram os tais pedaços de papel colorido que se sentiam infelizes. E assim o problema continuava sem solução. Muitas pessoas eram más, e a maioria delas era muito infeliz, mesmo as que tinham relógios digitais. Um número cada vez maior de pessoas acreditava que havia sido um erro terrível da espécie descer das árvores. Algumas diziam que até mesmo subir nas árvores tinha sido uma péssima ideia, e que ninguém jamais deveria ter saído do mar. E, então, uma quinta-feira, quase dois mil anos depois que um homem foi pregado num pedaço de madeira por ter dito que seria ótimo se as pessoas fossem legais umas com as outras para variar, uma garota, sozinha numa pequena lanchonete em Rickmansworth, de repente compreendeu o que tinha dado errado todo esse tempo e finalmente descobriu como o mundo poderia se tornar um lugar bom e feliz. Desta vez estava tudo certo, ia funcionar, e ninguém teria que ser pregado em coisa nenhuma. ''


Coraline - Neil Gaiman
''Você não entende, não é? – disse. – Eu não quero tudo o que eu quiser. Ninguém quer. Não realmente. Que graça teria ter tudo o que se deseja? Em um piscar de olhos e sem o menor sentido? E daí? ''


A Revolução dos Bichos - George Orwell
''Todos os animais são iguais, mas alguns são mais iguais do que outros. ''


Garota Exemplar - Gillian Flynn
''Os homens sempre dizem isso como o elogio definidor, não é? ''Ela é uma garota legal''. Ser a Garota Legal significa que eu sou uma mulher gostosa, brilhante, divertida, que adora futebol, pôquer, piadas indecentes e arrotos, que joga vídeo game, bebe cerveja barata, adora ménage à trois e sexo anal e enfia cachorros-quentes e hambúrgueres na boca como se fosse anfitriã da maior orgia gastronômica do mundo ao mesmo tempo em que de alguma forma mantém um manequim 36, porque Garotas Legais são acima de tudo gostosas. Gostosas e compreensivas. Garotas Legais nunca ficam com raiva. Apenas sorriem de uma forma desapontada e amorosa e deixam seus homens fazerem o que quiserem. ''Vá em frente, me sacaneie, não ligo, sou a Garota Legal.''


 


As Regras da Sedução – Madeline Hunter:
Série: Os Rothwells #1
Editora: Arqueiro
Número de páginas: 272
Classificação: 5/5

Resenha:
Fazia séculos que eu queria ler esse livro, porém nunca o conseguia com essa capa, e não gosto da antiga. Consegui ele início do ano e até que demorei para pegá-lo, considerando a vontade que eu estava de ler ele. Porém, assim que o peguei, não parei mais. Se pudesse tinha lido ele de uma vez, de tanto que é viciante. Adorei, as expectativas eram altas e mesmo assim gostei muito. Mais uma série de época maravilhosa que a Arqueiro trouxe para cá.

Alexia Welbourne foi acolhida pelos primos depois de seu pai morrer e deixa-la praticamente sem nada, já que ele havia falido. Seu primo Benjamin a acolheu e não deixou que nada lhe faltasse, e eles acabaram se apaixonando. Porém, Benjamin morreu, e seu outro primo, Timothy, herdou tudo. Apesar de deixa-la continuar vivendo com eles, a vida de Alexia decaiu muito. Agora suas roupas eram de segunda mão, não tinha as mesmas mordomias das primas, e não conseguia superar a perda do amor de sua vida.

E isso foi antes da falência de Timothy. Agora, com a família mal tendo dinheiro para sustentar a si mesma, Alexia não tem mais lugar junto deles. Deverá encontrar seu próprio caminho. E uma oportunidade vai aparecer onde ela menos espera: Lorde Hayden Rothwell a oferece a vaga de dama de companhia de sua tia e preceptora da filha dela. Se a oferta viesse de qualquer outra pessoa, Alexia aceitaria na hora. Mas Alexia sabe que Lorde Hayden foi o causador da falência, Timothy contou tudo.

Lorde Hayden escolheu tirar todo o seu dinheiro do banco de Timothy, mesmo sabendo que isso iria arruiná-lo. Ele não se importou com mais ninguém além de si mesmo. Ele destruiu aquela família que ela tanto amava, causou sofrimento as suas primas, que a acolheram quando ela mais precisou. E, por isso, Alexia o odeia. Mas ela não será capaz de recusar sua proposta, afinal, precisa se sustentar. E assim Alexia vai se ver obrigada a passar cada vez mais tempo na companhia daquele que jurou odiar, mas que não consegue ignorar.

A medida em que eles vão convivendo, a atração entre eles vai aumentando, e logo nenhum dos dois consegue ignorar. Mesmo odiando o que ele fez com sua família, Alexia não consegue evitar e acaba se entregando. Assim, os dois se verão casados, vivendo em uma mesma casa. Será que eles conseguirão deixar de lado o ódio e o rancor e darão a chance de conhecer um ao outro, confiar um no outro, e se permitirão ter sentimentos um pelo outro?

As Regras da Sedução traz muito mais que um romance, temos uma história maravilhosa que nos mostra um pouquinho de tudo, tem lealdade, honra, amor, amizade, crime, reviravolta e tudo o mais. Os personagens são muito bem construídos, temos desde os mais apaixonantes até aqueles que odiamos com todas as nossas forças. E temos já um gostinho de como são os personagens dos próximos livros, que, na minha opinião, já chamaram a atenção.

A edição da Arqueiro está ótima. A capa do livro (dessa edição, não da antiga) é linda, a diagramação é simples mas bem feita, não notei erros de digitação nem nada. É o primeiro livro de uma série de apenas quatro livros, mas que pode ser lido individualmente, pois cada livro tem início, meio e fim. O difícil é você não querer acompanhar os próximos depois de ler esse. Recomendo demais para todos que gostam de romances de época, é uma ótima história.

Série:
1. As Regras da Sedução
2. Lições do Desejo
3. Jogos do Prazer
4. Segredos de um Pecador.


A Garota Sem Passado – Michael Kardos:
Editora: Arqueiro
Número de páginas: 304
Classificação: 3/5

Resenha:
Nunca tinha ouvido falar desse livro, mas quando vi nos lançamentos da Arqueiro e li a sinopse, achei bem interessante, então decidi ler. Como não sabia o que esperar, nem fui ler com expectativas nem nada, mas mesmo assim não gostei muito. A história é ótima, criativa, e muito bem feita. Porém, não consegui me adaptar ao estilo alternado de narrativa que o autor escolheu, o que estragou bastante a leitura para mim.

Temos duas histórias principais. A primeira conta a história de Meg Miller, uma garota que, quando tinha apenas três anos, escapou de ser assassinada pelo pai, que conseguiu matar apenas a mãe. Porém, foi dada como morta pela polícia e levada para viver com os tios em uma cidadezinha escondida, sob uma identidade falsa, tudo para que o pai nunca a encontrasse, já que ele fugiu e sempre existia o perigo de ele ir atrás dela.

A outra história se passa quinze anos antes, e conta como foram os três dias que antecederam o crime na vida de Ramsey Miller, o pai de Melanie. Ramsey teve uma vida péssima, não conseguia manter um emprego, bebia, brigava, e vivia na prisão. Mas isso mudou quando ele conheceu Allison, sua esposa. Por ela, ele se tornou uma pessoa decente. E por Meg, ele fez de tudo para ser um bom pai.

Agora Meg é Melanie, uma garota de 18 anos que está grávida, e decidida a não deixar seu filho passar pelo mesmo que ela passou. Assim, ela decide desobedecer todas as regras dos seus tios e voltar para sua cidade natal, a fim de descobrir de vez onde está seu pai, e ser uma pessoa livre. Então Melanie, se passando por uma jornalista, irá procurar os antigos conhecidos de seus pais e tentar descobrir mais sobre a vida do pai, de modo a achar alguma coisa que a polícia possa ter deixado passar.

Mas, quanto mais ela busca por respostas, mais perguntas ela obtém. Melanie começa a conhecer a vida de seus pais, como eles eram, e o porquê de ter sido um choque tão grande o crime cometido. Afinal, ninguém nunca conseguiu encontrar um motivo qualquer para Ramsey ter tido um ataque naquele dia e resolvido assassinar sua família daquela maneira tão cruel. E como ele conseguiu se manter escondido por todo aquele tempo? Melanie vai entrar em um caminho sem volta nessa perseguição, e o final pode não ser nada do que ela espera.

Michael Kardos criou uma história interessantíssima, e muito bem pensada. É incrível como as coisas fazem sentido quando você lê, mas é impossível chegar nas respostas por conta própria. O desfecho me surpreendeu completamente, em praticamente nenhum momento adivinhei o que iria acontecer. Porém, a alternância de narrativas realmente não me agradou. Cada vez que eu me conectava com uma das histórias, o autor ia lá e pulava para a outra, e eu tinha que começar tudo de novo. Assim, o livro acabou ficando monótono, e foi me prender só lá para o finalzinho. Para mim isso realmente não funcionou, e estragou o que teria sido um livro maravilhoso.

A edição da Arqueiro é simples, bem feita, possui uma capa que combina com a história, e não notei erros significativos durante a leitura. Sobre o livro, indico bastante para aqueles que gostam de um bom suspense policial, mas principalmente para aqueles que não se importam com a quebra constante da história. É uma história muito boa, e que para mim só perdeu pontos pela narrativa mesmo.



Oii! A Iza já divulgou esse evento esses dias na página do blog no facebook, mas eu não podia deixar de colocar aqui também, afinal, olha que evento lindo! O Encontro da Arqueiro de Fãs de Romances de Época vai passar por 28 cidades brasileiras, a maioria no dia 30 de abril (e não é dia de semana, olha que ótimo!).


Eu realmente pretendo ir nesse. Assim como a Iza, eu também não vou a um evento faz anos, mas esse, diferente do da Intrínseca, vai cair em um sábado, e eu não tenho nenhuma intenção de não ir. Confiram as datas e horários e, quem for, não esqueça de confirmar presença no evento no facebook!


Aracaju, SE – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Belém, PA – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Belo Horizonte, MG – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Boa Vista, RR – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Brasília, DF – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Campinas, SP – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Campo Grande, MS – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Cuiabá, MT – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Curitiba, PR – 30 de abril às 14:00 - confirme sua presença aqui
Del Castilho, RJ – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Espírito Santo – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Florianópolis, SC – 30 de abril às 13:00 - confirme sua presença aqui
Fortaleza, CE – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Goiânia, GO – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
João Pessoa, PB – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Macapá, AP – 30 de abril às 17:00 - confirme sua presença aqui
Maceió, AL – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Manaus, AM – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Natal, RN – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Palmas, TO – 08 de maio às 16:00 - confirme sua presença aqui
Porto Alegre, RS – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Porto Velho, RO – 29 de abril às 19:00 - confirme sua presença aqui
Recife, PE – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Rio Branco, AC – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Salvador, BA – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
São Luís, MA – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
São Paulo, SP – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui
Teresina, PI – 30 de abril às 15:00 - confirme sua presença aqui


Oii! Não sei se todo mundo sabe, mas sou uma pessoa completamente apaixonada por gatos. Se eu pudesse, teria um monte (mentira, meus dois já dão trabalho suficiente rs). Então, quando vi essa TAG no blog Leitoras Vorazes, fiquei morrendo de vontade de responder também. Espero que gostem!

Esta é a Luna, e ela adora minha estante. Dobby também adora, mas ele felizmente não cabe no meio dos livros.

Regras:
Quem for indicado para responder deve mencionar o blog responsável pela indicação (não esquecendo do link para acessá-lo) e em seguida indicar mais cinco blogs amigos para responder! Não deixem a TAG morrer!

Indique um livro que te deu sono.
Neste enorme e emocionante romance, a lenda do rei Artur é contada pela primeira vez através das vidas, das visões e da percepção das mulheres que nela tiveram um papel central. Igraine, Viviane, Guinevere, Morgana. Elas revelam, com as suas vidas e sentimentos,a lenda de Artur, como se fosse nova de, ao mesmo tempo, levam o leitor a integrar-se na história, de maneira natural e profunda. Assim, esta obra proporciona uma narrativa soberba de uma lenda, e a recriação dessa lenda, bem como a brilhante contribuição para a literatura do ciclo arturiano.

Morro de curiosidade para ler todos os livros que falam sobre a história do Rei Artur, então estava com as expectativas altíssimas para esse livro. Porém, ele é extremamente lento, e nada como eu esperava. Me decepcionou bastante. Foi bem difícil terminá-lo, e olha que ele é bem fino.

Qual foi a maior série de livros que você já leu ou tem vontade de ler?
Mia Thermopolis é uma típica adolescente americana que recebe uma notícia que vira sua vida de cabeça para baixo: seu pai é um príncipe e ela, consequentemente, uma princesa! Como única herdeira do trono da Genovia, sua vida muda completamente. Ela passa a ser abordada por paparazzi que invadem seu colégio e num passe de mágica se torna bastante popular. Porém, ainda longe de ser uma Cinderela, Mia logo se vê obrigada a ter aulas de boas maneiras com sua avó, uma europeia tradicional. O que pode ser o sonho de muitas meninas está bem perto de se transformar em um verdadeiro pesadelo.

Não sei exatamente se foi essa, mas pelo que me lembro foi a que possui maior quantidade de livros. São onze livros principais, mais alguns contos ao longo da história, mais o livro escrito pela Mia, e agora o spin off, que já vai sair o segundo. E, eu não me canso de ler. Por mim a Meg pode continuar escrevendo para sempre essa história, é amor demais.

Qual foi o livro mais grosso que você já leu?
Em 1945, no final da Segunda Guerra Mundial, a enfermeira Claire Randall volta para os braços do marido, com quem desfruta uma segunda lua de mel em Inverness, nas Ilhas Britânicas. Durante a viagem, ela é atraída para um antigo círculo de pedras, no qual testemunha rituais misteriosos. Dias depois, quando resolve retornar ao local, algo inexplicável acontece: de repente se vê no ano de 1743, numa Escócia violenta e dominada por clãs guerreiros. Tão logo percebe que foi arrastada para o passado por forças que não compreende, Claire precisa enfrentar intrigas e perigos que podem ameaçar a sua vida e partir o seu coração. Ao conhecer Jamie, um jovem guerreiro escocês, sente-se cada vez mais dividida entre a fidelidade ao marido e o desejo. Será ela capaz de resistir a uma paixão arrebatadora e regressar ao presente?

Difícil de definir, mas acho que foi A Viajante do Tempo. Foi um pouco cansativo, já que a autora descreve tudo, mas mesmo assim uma história muito boa. Porém, a história vale muito a pena, é incrível.

Um livro que é puro amor.
Anna Oliphant tem grandes planos para seu último ano em Atlanta: sair com sua melhor amiga, Bridgette, e flertar com seus colegas no Midtown Royal 14 multiplex. Então ela não fica muito feliz quando o pai a envia para um internato em Paris. No entanto, as coisas começam a melhorar quando ela conhece Étienne St. Clair, um lindo garoto - que tem namorada. Ele e Anna a se tornam amigos mais próximos e as coisas ficam infinitamente mais complicadas. Anna vai conseguir um beijo francês? Ou algumas coisas não estão destinadas a acontecer?

Existem muitos livros que se encaixariam perfeitamente nesse tópico, mas o primeiro que me veio na cabeça ficou. Anna e o Beijo Francês é aquele tipo de livro fofo e lindo que você se apaixona perdidamente e, mesmo depois de anos da leitura, lembrar dele ainda me deixa com um sorriso no rosto.

Um livro quente.
A meia-vampira Catherine Crawfield está indo atrás dos mortos-vivos como uma vingança, esperando que um destes sem batimentos cardíacos seja seu pai - o responsável por arruinar a vida de sua mãe. Então ela é capturada por Bones, um caçador de vampiros, e é forçada a uma profana parceria. Em troca de encontrar seu pai, Cat concorda treinar com o sexy caçador da noite até que seus reflexos de batalha estejam tão afiados quanto as suas presas. Ela está espantada em não terminar como jantar dele - há realmente bons vampiros? Rapidamente Bones a terá convencida de que ser meio-morto não tem que ser de todo ruim. Mas antes que ela possa aproveitar seu novo status de caçadora chutadora de traseiros de demônios, Cat e Bones são perseguidos por um grupo de assassinos. Agora, Cat terá que escolher um lado... e Bones está se tornando tão tentador quanto qualquer homem com um batimento cardíaco.

Demorei para lembrar qual era o que eu queria falar, mas sabia que era uma série de vampiros. Night Huntress tem uma história incrível, e completamente viciante. Lembrei agora que não cheguei a terminar a série, vou ver se consigo os livros para ler.

Um livro que mexeu com você por dentro (de maneira boa ou ruim).
O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para outra simplesmente não conseguem ficar juntas? Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails e cartas. Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.

Lembrei dele na hora quando li esse tópico. Simplesmente Acontece mexeu comigo e, mesmo agora depois de mais de um ano da leitura, ainda me faz pensar. Ele mostra como é fácil deixar a vida passar sem fazer nada, como é fácil desperdiçarmos nossas vidas sem nem percebermos.

Seu livro mais caro.
Sinopse do primeiro livro, Laços de Sangue, editada para retirar spoilers de Vampire Academy: Sydney estava encrencada. Em sua última missão, ela tinha ajudado uma dampira a escapar da prisão, e essa aliança foi considerada uma traição grave, já que vampiros e dampiros são criaturas terríveis e antinaturais, ameaças àqueles que os alquimistas devem proteger - os humanos. Com sua lealdade colocada em questão, Sydney se sente obrigada a voluntariar-se para uma tarefa nada agradável - ajudar a esconder uma princesa vampira que está sendo perseguida por rebeldes que querem o poder. Caso ela seja capturada e assassinada, a rainha ficará sem nenhum parente vivo e, como manda a lei, terá de abdicar do trono - o que culminará numa guerra civil tão sangrenta no mundo dos vampiros que certamente afetará a humanidade.

Resolvi não colocar o livro que eu paguei mais, já que existem livros que são edições especiais e que realmente valem o preço a mais que pagamos, e sim o que foi mais caro para mim, e esse livro veio imediatamente na minha cabeça. Lembro que na época morri de raiva, e continuo até hoje, pois quando comprei não seria tão caro assim. Porém, o tempo entre a compra e o pagamento foi justamente a época em que o dólar praticamente dobrou, e eu me ferrei.

Então, essas foram as minhas respostas. Achei a TAG muito criativa, e adorei responder. Não vou indicar ninguém, como sempre, mas todos que quiserem responder sintam-se indicados, e não se esqueçam de avisar aqui para eu comentar lá!


Tecnologia do Blogger.