Oii! Faz um tempinho que não faço esse post, ando lendo somente os livros que chegam de parceria e um ou outro que me dá vontade de ler na hora. Porém, hoje resolvi trazer alguns livros que comecei a ler e por algum motivo acabei deixando de lado, mas que quero finalizar, e pedir a ajuda de vocês para escolher qual ler primeiro.

A Máquina de Contar Histórias – Maurício Gomyde:
Sinopse: Na noite em que o escritor best-seller Vinícius Becker lançou A Máquina de Contar Histórias, o novo romance e livro mais aguardado do ano, sua esposa Viviana faleceu sozinha num quarto de hospital. Odiado em casa por tantas ausências para cuidar da carreira literária, ele vê o chão se abrir sob seus pés. Sem o grande amor da sua vida, sem o carinho das filhas, sem amigos... O lugar pelo qual ele tanto lutou revela-se aquele em que nunca desejou estar. Vinícius teve o mundo nas mãos, e agora, sozinho, precisa se reinventar para reconquistar o amor das filhas e seu espaço no coração da família V. Uma história emocionante, cheia de significados entrelaçados pela literatura, mostrando que o amor de um pai, por mais dura que seja a situação, nunca morre nem se perde.

Estava esperando bastante desse livro e acabei me decepcionando um pouco com a leitura, e por isso acabei deixando de lado. Porém, ainda tenho bastante curiosidade em ler o resto da história, até porque vejo muitos elogios sobre os livros do autor.

Persuasão – Jane Austen:
Sinopse: O enredo deste empolgante livro gira em torno dos amores de Anne Elliot que se apaixonara pelo pobre, mas ambicioso jovem oficial da marinha, capitão Frederick Wentworth. A família de Anne não concorda com essa relação e a convence romper seu relacionamento amoroso. Anos após Anne reencontra Frederick, agora cortejando sua amiga e vizinha, Louisa Musgrove. "Persuasão" é amplamente apreciado como uma simpática história de amor, de trama simples e bem elaborada, e exemplifica o estilo de narrativa irônica de Jane Austen, sendo original por diversos motivos, entre eles, pelo fato de ser uma das poucas histórias da escritora que não apresenta a heroína em plena juventude. O romance também é um apanágio ao homem de iniciativa, através do personagem do capitão Frederick Wentworth que parte de uma origem humilde e que alcança influência e status pela força de seus méritos e não através de herança.

Outro que fui com muita expectativa e acabei me decepcionando um pouco. Comecei a leitura e ela não me prendeu logo no início, e portanto acabei deixando de lado. Porém, é um livro da Jane Austen, então tenho certeza de que não é ruim. Só preciso de um esforço para voltar a ler que tenho certeza que logo vai me prender.

Tequila Vermelha – Rick Riordan:
Sinopse: Jackson 'Tres' Navarre retorna para sua cidade natal dez anos após o assassinato de seu pai. Porém, o caminho para as respostas em San Antonio, Texas, é bem mais difícil do que se pensava. Encontros com a máfia, jogos políticos, corrupção e dramas familiares tentarão desviar Tres da verdade ou matá-lo, o que acontecer primeiro.

Esse livro é policial, e é escrito pelo Rick Riordan, o que me fez querer muito ler ele. Porém, a escrita dele não é muito leve, apesar de não ser pesada, e eu acabei deixando para ler ele depois (e o depois nunca chegou). Quero voltar a ler para ter minha opinião sobre esse livro.

Bruxa da Noite – Nora Roberts:
Sinopse: De uma das autoras mais queridas do mundo chega uma trilogia sobre a terra a que nos conectamos, a família que guardamos no coração e as pessoas que desejamos amar... Com pais indiferentes, Iona Sheehan cresceu ansiando por carinho e aceitação. Com a avó materna, descobriu onde encontrar as duas coisas: numa terra de florestas exuberantes, lagos deslumbrantes e lendas centenárias – a Irlanda. Mais precisamente no Condado de Mayo, onde o sangue e a magia de seus ancestrais atravessam gerações – e onde seu destino a espera. Iona chega à Irlanda sem nada além das orientações da avó, um otimismo sem fim e um talento inato para lidar com cavalos. Perto do encantador castelo onde ficará hospedada por uma semana, encontra a casa de seus primos Branna e Connor O’Dwyer, que a recebem de braços abertos em sua vida e em seu lar. Quando arruma emprego nos estábulos locais, Iona conhece o dono do lugar, Boyle McGrath. Uma mistura de caubói, pirata e cavaleiro tribal, ele reúne três de suas maiores fantasias num único pacote. Iona logo percebe que ali pode construir seu lar e ter a vida que sempre quis, mesmo que isso implique se apaixonar perdidamente pelo chefe. Mas as coisas não são tão perfeitas quanto parecem. Um antigo demônio que há muitos séculos ronda a família de Iona precisa ser derrotado. Agora parentes e amigos vão brigar uns com os outros – e uns pelos outros – para manter viva a chama da esperança e do amor.

Esse eu comecei essa semana, e fiquei um pouco confusa com a quantidade de personagens (isso que eu nem cheguei na parte da história mesmo ainda). Não voltei a ler por falta de tempo e por já estar lendo outro livro, mas é só eu começar de novo que tenho certeza de que já vou entender muito melhor a história e os personagens.

Então, esses são alguns livros que eu comecei a ler e não terminei, e que tenho vontade de terminar. Outro livro que eu tenho que criar coragem é Os Miseráveis, mas como esse eu nem penso em terminar por agora, acabo nem indo ler ele. Já leram algum desses para me dizer o que acharam? Se indicam ou se é melhor deixar de lado mesmo?


Tecnologia do Blogger.