Oii! Faz tempo que eu não faço um post de próximas leituras, não é? Não consegui cumprir minha meta de férias e, apesar de elas ainda não terem terminado, não vou conseguir cumprir mesmo assim. Mas até que li mais do que pensei daquela lista. Enfim, vamos ao post.

Silver Shadows (Bloodlines #5) – Richelle Mead:
Sinopse: ATENÇÃO, esta sinopse contém spoilers dos livros anteriores. Sydney Sage arriscou tudo. Ainda infiltrada na organização, trabalhava contra os alquimistas e vivia um romance secreto com o vampiro Adrian Ivashkov. Qualquer deslize poderia trazer tudo por água abaixo, e foi exatamente o que aconteceu: sua própria irmã descobriu seu relacionamento proibido e a denunciou, fazendo com que Sydney fosse capturada pelos seus pares e mandada para a terrível reeducação. Lá, as condições de higiene e de conforto eram mínimas, e a única comida disponível era um mingau insosso. Nos poucos momentos em que ela ficava acordada, uma voz metálica tentava convencê-la a “confessar seus pecados”. E quando dormia, seu sono induzido por medicamentos não trazia sonho nenhum — muito menos com Adrian. Cercada de inimigos e sem saber onde estava ou como sairia dali, Sydney luta para manter sua identidade, sua capacidade de pensar por si mesma e, principalmente, a esperança de que encontrará Adrian novamente.

Era para ter lido esse livro logo que chegou, mas eu sempre enrolo com os livros da Richelle, porque são bons demais e eu não quero que acabem rs. Agora está pra sair o último livro (que eu já comprei J) e eu tenho que ler tudo logo senão acabo pegando spoilers. Ia ler The Fiery Heart antes para resenhar, mas pensando bem, se for para reler releio a série toda de uma vez, né? (essa sou eu sempre achando motivos para reler essa série).

O Melhor de Mim – Nicholas Sparks:
Sinopse: Na primavera de 1984, os estudantes Amanda Collier e Dawson Cole se apaixonaram perdidamente. Embora vivessem em mundos muito diferentes, o amor que sentiam um pelo outro parecia forte o bastante para desafiar todas as convenções de Oriental, a pequena cidade em que moravam. Nascido em uma família de criminosos, o solitário Dawson acreditava que seu sentimento por Amanda lhe daria a força necessária para fugir do destino sombrio que parecia traçado para ele. Ela, uma garota bonita e de família tradicional, que sonhava entrar para uma universidade de renome, via no namorado um porto seguro para toda a sua paixão e seu espírito livre. Infelizmente, quando o verão do último ano de escola chegou ao fim, a realidade os separou de maneira cruel e implacável. Vinte e cinco anos depois, eles estão de volta a Oriental para o velório de Tuck Hostetler, o homem que um dia abrigou Dawson, acobertou o namoro do casal e acabou se tornando o melhor amigo dos dois. Seguindo as instruções de cartas deixadas por Tuck, o casal redescobrirá sentimentos sufocados há décadas. Após tanto tempo afastados, Amanda e Dawson irão perceber que não tiveram a vida que esperavam e que nunca conseguiram esquecer o primeiro amor. Um único fim de semana juntos e talvez seus destinos mudem para sempre.

Eu tenho um monte de livros do Nicholas Sparks aqui em casa, mas como choro muito lendo eles, acabo enrolando e dando bastante tempo entre um e outro. Esse não era o próximo do autor que eu pretendia ler, mas vi um quote dele no facebook e adorei, e fiquei morrendo de vontade de ler. Agora é só criar coragem para as lágrimas que inevitavelmente vão vir e ler de uma vez.

Minta que me Ama – Maria Duffy:
Sinopse: O inverno é a estação mais aconchegante do ano, mas Jenny Breslin não se sente nada confortável. Tudo na sua vida a total ausência de romance, o emprego chatíssimo no banco foi tocado pela mágica das festas de fim de ano. A simples ideia de passar por mais um Natal com a sua mãe extravagante e Harry, o novo namorado dela, a enche de pavor. Mas isso é na vida real... No Twitter, as coisas não poderiam estar mais interessantes. Nele, Jenny tem uma carreira em ascensão, uma vida amorosa sensacional e uma agenda superconcorrida. Então, em uma noite de bebedeira, Jenny está tuitando com suas amigas Zahra, Fiona e Kerry. E de repente ela as convida para passar alguns dias em sua casa em Dublin. À medida que a sua vida virtual entra em rota de colisão com a sua verdadeira rotina, Jenny não sabe para onde correr. Tudo parece contribuir para mostrar que a existência das suas companheiras de Twitter é um milhão de vezes mais interessante do que a sua. O fim de semana chega, e segredos são compartilhados. Jenny começa a perceber que, enquanto ela sonhava, as coisas acontecem bem depressa. Será que é muito tarde para que ela volte a assumir o controle da sua própria e verdadeira vida?

Eu sei que é um livro de Natal, mas não tive como ler em Dezembro, e parece tão bonitinho que quero ler mesmo assim. Não conhecia o livro, mas me interessei bastante pela proposta do livro, além de que adorei a capa. Acho que tenho que ler logo porque agora não está tão longe do Natal ainda, mais pra frente vai ficar ou não rs.

Então, escolhi esses três livros para serem lidos logo, me ajudem a escolher qual ler primeiro? Já leram algum? Querem ler? Não querem nem chegar perto? Me ajudem rs.


Tecnologia do Blogger.