Oi gente! Eu sou completamente apaixonada pela Disney. Os desenhos fizeram parte da minha infância e eu sei quase todas as músicas de cor. Vi essa tag no canal da Eduarda (Book Addict) esses dias e fiquei doida pra responder também. A tag foi criada pelo Portal dos Disney Maníacos no Instagram e consiste em escolher um filme/cena/personagem da Disney para cada uma das 20 palavras a seguir. Espero que gostem :)

1) Serenidade:

Acho que um dos melhores personagens que representam essa palavra é o Crush de Procurando Nemo. Ele é zen, leva a vida com bastante tranquilidade e não se deixa abalar por nada.''- A gente nunca saca irmão, mas quando eles sacam, aí tu saca. Sacou?! ''

2) Liberdade:

O Baloo de Mogli é um ótimo exemplo dessa palavra pra mim. Ele vive completamente livre na selva e só precisa do necessário, nada mais. Não tem nada que o prenda, nenhuma amarra.''Eu uso o necessário. Somente o necessário. O extraordinário é demais... Por isso é que essa vida eu vivo em paz ''

3) Sabedoria:

Escolhi o Rafiki de O Rei Leão. Ele é doidinho, mas sempre sabe das coisas e arruma um jeito de ajudar. É alguém a quem você pode recorrer toda vez que tiver um problema. Só não espere que ele haja normal.

4) Amor:

A Bela e a Fera é um dos meus filmes favoritos por diversos motivos. O amor que a Bela e a Fera sentem um pelo outro é um deles. Ela realmente o vê, por baixo de todo aquele pelo e atitude, e ele decide ficar daquela forma para sempre para que ela possa ajudar o pai. O amor deles é desenvolvido, não acontece de uma hora pra outra e é lindo.

5) Sonho:

Alice no País das Maravilhas representa bem essa palavra para mim. Wonderland é um mundo de sonhos, onde tudo pode acontecer e nada tem um sentido certo.''A única forma de chegar ao impossível, é acreditar que é possível. ''

6) Escuridão:

O Dr. Facilier de A Princesa e o Sapo é uma pessoa bem ruim e gananciosa. Lembrei logo dos amigos do outro lado dele quando estava pensando o que colocar nessa categoria. Eles são assustadores e representam a escuridão.

7) Poder:

Escolhi o Gênio de Aladdin. Ele pode fazer um monte de coisas e é um personagem bem poderoso.

8) Felicidade:

O Timão e o Pumba de O Rei Leão representam a felicidade pra mim. ''Os seus problemas, você deve esquecer. Isso é viver. É aprender. Hakuna Matata.''

9) Romance:


Flynn e Rapunzel. O romance dos dois é muito bonito e foi o primeiro que veio na minha cabeça depois de A Bela e a Fera. A Rapunzel aceita do Flynn do jeito que é, ladrão ou não, e ele percebe que não consegue mais viver sem ela.

10) Amizade:

Koda e Kenai de O Irmão Urso. Essa é a única palavra que pensei em vários personagens como resposta. Existem diversos exemplos de amizades lindas nos filme da Disney, mas adoro o Koda e o Kenai. Eles são realmente irmãos, e é ótimo ver o desenvolvimento da amizade deles durante o filme.

11) Dança:

Cinderela. Como não se lembrar desse filme? 

12) Olhar:


Tarzan é outro dos meus filmes favoritos da Disney e acho que representa bem essa palavra. Uma das cenas mais bonitas é quando Kala resolve levá-lo com ela, além de ser a primeira característica que faz Jane ficar encantada por ele.

13) Coroa:

''K-U-Z-C-O. Kuzco, Kuzco, vai lá''. O Kuzco de A Nova Onda do Imperador foi o primeiro personagem que pensei com uma coroa.

14) Magia:

Elsa de Frozen. Nem preciso dizer por que né?

15) Animais:

O Rei Leão. Esse filme é incrível e não poderia ter escolhido outro para representar animais.

16) Flores:

Mulan. Acredito que a maioria das pessoas não pensa em flores quando se lembra de Mulan. Porém, a conversa da Mulan com o pai no início do filme é uma das cenas mais bonitas envolvendo flores pra mim. ''Mas eu sei que quando desabrochar... ela será a mais bela de todas. ''

17) Aventura:

Peter Pan. Quem não gostaria de ir para a Terra do Nunca? Piratas, sereias, índios, fadas, uma aventura em cada lugar. Nunca crescer e poder voar, meu sonho. 

18) Vestido/Traje:

A Bela Adormecida. Rosa, azul, rosa, azul! 

19) Tesouro:

Planeta do Tesouro. Esse não é um filme tão conhecido assim, mas eu via direto quando era criança. Foi o primeiro que pensei que me lembra tesouro.

20) Presente:

Não queria repetir nenhum filme, mas não poderia ter escolhido outro. A biblioteca que a Fera dá para a Bela em A Bela e a Fera é um dos presentes mais maravilhosos de todos. É tudo tão lindo. Ok, eu realmente amo esse filme.


Oi! Hoje eu vim falar sobre uma série que foi finalizada essa semana agora, e que vai deixar muitas saudades, pelo menos para mim. É uma dica para quem está atrás de uma série leve, apaixonante, engraçada e viciante. Hart of Dixie é uma daquelas séries que você começa a assistir e nem percebe o tempo passar, que você termina de ver com um sorriso no rosto.

Canal: CW
Sinopse: Hart of Dixie acompanha a história da Dra. Zoe Hart, uma médica recém-formada que acaba aceitando o convite de um estranho e vai morar no Alabama. A virada em sua vida se dá após perder uma bolsa de estudos em Nova York, por acharem que ela trata os pacientes como objetos e não pessoas.
Porém, a vida na pequena cidade de Bluebell não é tão simples assim. Além de ter problemas com o outro médico da cidade, Zoe ainda percebe que de pacata Bluebell não tem nada. Ali ela encontra não apenas um caminho para sua vida, mas descobre mais sobre seu passado e entende melhor a relação conturbada existente entre seus pais e ela. Créditos: Minha Série

Hart of Dixie teve início no final de 2011 e, desde o primeiro episódio, me apaixonei completamente. Assisti episódio por episódio, durante os quase quatro anos, sempre com um sorriso no rosto (e muitas lágrimas também, mas de felicidade). É uma série que me conquistou pela sua simplicidade. Ela não apresenta nada de inovador, nos mostra apenas a vida em uma cidadezinha, seus costumes, seus personagens. Mas é uma cidade linda. Bluebell não é formada de habitantes, e sim de uma família. E é isso que conquista.

Vemos a personagem principal, Zoe, chegando de fora, tentando se adaptar a uma cidade onde todos se conhecem desde sempre, onde todos são uma família. Vemos ela chegando e já criando confusão, se colocando no meio de um relacionamento de anos, mesmo que sem querer. Vemos Zoe começar a entender a vida em comunidade, em família. Vemos ela começar a fazer parte daquilo tudo.

A série teve altos e baixos, é claro, mas nem esses baixos foram o suficiente para diminuir o amor por essa série. Infelizmente ela nunca foi tão aceita assim nos Estados Unidos, o que fez ela sempre estar em risco, e isso é uma coisa que a CW está de parabéns. Ela quase foi cancelada na terceira temporada, mas a CW resolveu renovar, mesmo com uma temporada mais curta, para que ela fosse finalizada. E lindamente. A quarta e última temporada não teve um único momento ruim. Foi simplesmente perfeita. Se as outras temporadas foram lindas, essa última fechou com chave de ouro.

Não tenho mais muito o que dizer, só que, se você está procurando uma série simples, que te faça se apaixonar, rir, chorar de emoção, se sentir realmente parte de uma família, vá ver Hart of Dixie. São 76 episódios de 42 minutos cada, que vão te fazer se apaixonar não somente por Bluebell, mas por cada um dos habitantes dela. É uma série que foi incrível do início ao fim, e que vai fazer falta.




Alguém já assistiu Hart of Dixie? Gosta? Não gosta? O que acharam do final (sem spoilers)? Conhecem alguma outra série no mesmo estilo para eu começar a ver agora? rs 



Tecnologia do Blogger.