O Futuro de Nós Dois – Jay Asher e Carolyn Mackler:
Editora: Galera
Número de páginas: 384
Classificação: 5/5

Resenha:
Sabe quando você pega um livro sem expectativa nenhuma? É o que eu mais gosto de fazer. Não estava com vontade de ler O Futuro de Nós Dois, não tinha me apaixonado pela sinopse nem nada, mas estava com o livro nas mãos (sim, apesar de tudo, eu comprei ele, estava baratinho rs) e acabei começando a ler. E não larguei enquanto não terminei. Eu não sei muito bem o que eu esperava do livro, mas não era nada comparado ao que eu achei. Terminei o livro completamente apaixonada, a história, além de ser interessante, é uma fofura pura.

Emma e Josh eram melhores amigos desde crianças, até que, seis meses antes, eles tiveram um desentendimento. Desde então, as coisas estão estranhas entre eles. Eles continuam amigos, mas se distanciaram. Nem parece mais que eles são vizinhos, que eles viviam um na casa do outro. Agora eles só se veem na escola, quando estão junto com os amigos, Kellan e Tyson. Mas agora eles terão uma oportunidade de se aproximarem de novo.

Emma acaba de ganhar um computador do pai, e tudo é muita novidade. Em 1996, não são muitas pessoas que possuem um computador, ou até mesmo já mexeram em um. E ela está lá, tentando tomar uma difícil decisão entre as escolhas de protetor de tela de seu computador, quando Josh aparece. Mas ele não sobe até seu quarto, como fazia antes. Agora ele a espera na porta e, com muita formalidade, a entrega um cd-room da America Online, que eles recebeu pelo correio e dá acesso à 100 horas de internet grátis. Ele diz que a mãe pediu que ele a entregasse, já que eles não possuem um computador.

Depois de uma pequena conversa desconfortável, Josh corre de volta para casa, e Emma vai para o quarto e liga o computador para instalar o cd-room. Mas o que ela encontra quando ele finalmente termina de instalar não é o que ela esperava. Logo quando ela abre a internet, ela dá de cara com um site esquisito, com fotos e textos. Mas o que chama a atenção dela é o nome que ela vê do lado de uma foto, seu próprio nome. Ela clica na foto, e aparece uma mulher mais velha. Mas uma mulher extremamente parecida com ela, e que, além de tudo, faz aniversário no mesmo dia que ela. Emma não entende nada e, pensando ser alguma brincadeira de Josh, faz com que ele vá até lá. Mas parece que Josh não fez nada, porque ele está tão confuso quanto ela.

Mas aquela página, chamada “facebook”, está cheia de informações interessantes, informações que parecem pertencer ao futuro. Emma não sabe no que acreditar, mas a ideia de que ela de alguma forma está acessando o futuro, ao mesmo tempo em que é absurda, é também maravilhosa. Isso quer dizer que ela pode saber como será o seu futuro. Que ela pode modifica-lo. Mas Josh não está tão pronto para aceitar isso como o futuro, ele continua convencido de que isso é uma brincadeira de alguém. É só quando Emma fala para ele que ele se casa com Sydney Mills, a garota mais linda e popular da escola, e que ele vê fotos dos filhos dos dois, que ele começa a acreditar.

Mas eles vão acabar percebendo que, simplesmente por eles saberem disso, o futuro já pode mudar. Qualquer mínima decisão, ou ação, pode resultar em uma mudança imensa no futuro. O que parece estar ótimo para Emma, já que ela não está nada feliz com seu futuro recém descoberto. Ela precisa impedir que ele aconteça, ela merece ter uma vida feliz. Mas Josh não está nada animado com a ideia de Emma de mudar as coisas, afinal, ele não quer que seu futuro mude de maneira alguma. Mas ele não pode controlar tudo, nem ela.

Mas, a cada mudança que Emma faz, a cada decisão que ela toma, mais sua vida vai piorando no futuro. E ela vai ter que perceber que, se quiser realmente ser feliz, ela terá que deixar o futuro para o futuro, e focar no presente. Ela terá que construir o seu próprio futuro. E isso deve começar com ela garantindo que Josh continue sempre em sua vida, ela não quer um futuro sem a amizade dele. E ela não pode se esquecer de fazer tudo o que for possível para evitar que sua melhor amiga cometa um erro que vai mudar toda a sua vida, Kellan não merece isso. Ela deve agir no presente, porque o que ela fizer agora irá impactar em toda a sua vida. Ela deve lutar pelo que quer, porque tudo é possível.

O que eu mais gostei nesse livro foi o fato de que era o Josh que era apaixonado pela Emma, e não o contrário, que é o que acontece na maioria dos livros nesse estilo. E que o livro não foi sobre um estar apaixonado pelo outro e não ter coragem de revelar os sentimentos por medo de estragar a amizade e tal, desde o início do livro a Emma sabia dos sentimentos do Josh. O que vimos nesse livro foi um tentando lidar com os sentimentos do outro, ao mesmo tempo em que tentavam entender como resgatar aquela amizade que tinham antes.

O Futuro de Nós Dois foi uma surpresa totalmente agradável para mim. Os autores tiveram uma ótima ideia, e souberam aproveitá-la direitinho. O livro não é pequeno, tem um tamanho médio, mas as letras são grandes, então a leitura é rápida. Sobre a edição da Galera, a diagramação está ótima, e eu não notei erros além da falta de pontos finais em algumas frases. Indico o livro para quem está a procura de uma leitura leve e divertida, vale totalmente a pena.


Tecnologia do Blogger.