Laços do Espírito (Spirit Bound) – Richelle Mead:
Série: Vampire Academy #5
Editora: Agir
Número de páginas: 426
Classificação: 5/5 

Resenha:
Laços do Espírito é o quinto livro da série Vampire Academy. Então, se você não leu os outros quatro ainda, eu aconselho que você não leia esta resenha, pois ela contém spoilers dos livros anteriores.

No final de Promessa de Sangue, Rose prometeu para a mãe que ficaria na Escola até se formar, até se tornar uma Guardiã. E, apesar da descoberta do final do livro, ela pretende cumprir a promessa. Mas essa não foi a única promessa que ela fez. Ela prometeu a Adrian que iria dar uma chance a ele quando ela voltasse. E ela também prometeu a Lissa que não iria abandoná-la de novo, que ela iria leva-la junto da próxima vez que precisasse sair.

Rose pode não ter pensado bem antes de fazer essas promessas, mas ela irá cumpri-las. Mesmo que isso signifique tirar Lissa da proteção da Corte para invadir uma prisão de segurança máxima e tirar seu pior inimigo de lá. Tudo isso para descobrir a localização de uma pessoa que pode ter conseguido transformar um Strigoi de volta à sua forma original, mesmo que essa pessoa seja considerada completamente doida. É tudo muito impossível, mas Rose não vai desistir antes de descobrir se isso pode ser verdade. Mas ela sabe que, se Dimitri encontra-la antes, ela não deve hesitar de novo, ela terá de mata-lo.

Lissa, apesar de não estar feliz em tirar Victor da prisão, está determinada a ajudar Rose a salvar Dimitri, ela não irá desistir enquanto não conseguir. Mesmo que isso signifique fazer as coisas escondidas de Rose. Mesmo que signifique voltar a falar com Christian e pedir ajuda a ele. Mesmo que signifique colocar sua própria vida em perigo. Ela vai fazer qualquer coisa para conseguir trazer Dimitri de volta, porque é o que Rose faria por ela.

Mas tirar Victor da prisão não é a única preocupação das duas. Rose se formou, mas não tem praticamente chance nenhuma de conseguir se tornar guardiã de Lissa. Enquanto isso, ela está na Corte, junto com os outros Guardiões, esperando seu futuro ser decidido. E as coisas na Corte não estão nada boas. A insegurança e o medo que o ataque à Escola trouxeram ainda não passou, e as pessoas querem que algo aconteça. A Rainha precisa tomar alguma decisão, e logo, antes que as coisas fiquem piores.

As opções não são nada boas para os dhampir, pois os Moroi não querem lutar. Ou pelo menos grande parte deles não quer, eles preferem se esconder atrás de seus guardiões. E Rose não vai aguentar calada enquanto eles impõem leis absurdas e injustas para sua raça. Ela vai gritar, vai discutir, vai xingar, vai ameaçar, e vai tentar achar uma solução. E também vai lutar por sua amiga, pois Lissa é uma Dragomir, ela tem o direito de participar do Conselho e dar o seu voto, não importa que ela seja a última de sua família.

Em Laços do Espírito vemos mais do governo dos vampiros, como eles se organizam, como são suas regras. É interessante conhecer mais desse governo, as manipulações, as brigas, as injustiças, os segredos. A vida na Corte é bem diferente da vida na Escola, não existem segundas chances, tudo é real. E Rose logo percebe isso. Porque existem consequências para tudo o que se faz, para tudo o que se fala. Ela precisa aprender a se controlar, precisa aprender a pensar antes de agir, antes que seja tarde demais.

Nesse quinto livro vemos os personagens amadurecerem, se tornarem adultos, vemos eles mudarem. Meu destaque vai para a Lissa. Eu sei que praticamente todo mundo que leu os livros odeia ela, mas eu não odeio. Ela não é nem de perto minha personagem favorita, mas ela é normalzinha. Ela cresce bastante nesse livro, fica determinada e, literalmente, luta para conseguir o que quer. Outro personagem que cresceu bastante foi o Adrian. Gente, que pena que me dá dele, porque ele é completamente apaixonado pela Rose, ele faz tudo por ela, é lindo, mas é óbvio que os dois não vão ficar juntos. E eu nunca pensei que eu fosse dizer isso, mas o Dimitri estava um chato nesse livro. Sim, dá para entender perfeitamente as razões dele e tal, mas precisava tudo aquilo? Precisava me matar matar a Rose do coração? É crueldade o que ele faz.

Laços do Espírito não é o meu livro preferido da série, mas ainda assim continua sendo um favorito. Minha única reclamação foi a falta de cenas Rose e Christian, os dois juntos são perfeitos demais. Para falar a verdade cenas do Christian em geral. Mas, mesmo assim, o livro foi ótimo, você lê tudo de uma vez e quando chega no final, tem uma surpresa. Por mais que nem é mais surpresa finais desesperadores em Vampire Academy, né? Já é normal. Mas a Richelle ainda consegue surpreender. Recomendo demais esse livro, essa série, vale totalmente a pena.

Série:
1. O Beijo das Sombras (resenha)
2. Aura Negra (resenha)
3. Tocada pelas Sombras (resenha)
4. Promessa de Sangue (resenha)
5. Laços do Espírito
6. Último Sacrifício (resenha).


16 Comentários

  1. Oi Adri :)

    Eu estou com muita vontade de iniciar essa série, pois as pessoas fala muito bem. Gostei do que você disse na resenha sobre o amadurecimento dos personagens, isso é importante. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabriel! Pare tudo o que está fazendo e comece a ler logo, a série é perfeita! Uma das minhas favoritas de todos os tempos, é muito boa! É incrível ver o amadurecimento dos personagens de VA, não somente nesse livro, mas eles crescem durante toda a série, sabe? Isso é importante mesmo :)

      Beijos

      Excluir
  2. AAAHHH!!!
    Quero demais ler essa coleção, mas sempre fico receosa de comprar e acabar não gostando ;x
    EU AMEI o filme...mas filme é 50% do que o livro normalmente é né?
    Podem me dar uma luz? Classificam o tipo de leitura como qual outro livro/autora?
    Eu li um conto dela no Beijos Infernais/Amores Infernais (agora não me lembro qual foi) e eu adorei, mas nem sempre a tradutora é a mesma né?? :/
    AMEI O BLOG! *O*
    http://minhametadeleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luísa! Se você gostou do filme, com certeza vai gostar dos livros, é mil vezes melhor!
      Eu não sei dizer com que outro autor se parece, mas quando li Trono de Vidro, da Sarah J. Maas, me lembrou o estilo de VA, já leu ele? É muito bom também.
      Realmente, a tradução não é mesmo feita pela mesma pessoa, acho. Na minha opinião, eu não gosto muito da tradução que a Agir fez nessa série (não digo nesse livro em particular porque ainda não o li em português, mas li os quatro anteriores), mas são detalhezinhos pequenos que não estragam em nada a leitura.

      Beijos

      Excluir
  3. Bem, não me ache estranha, eu não conhecia a serie e precisei ler as outras resenhas para me situar nesse universo. Não gosto de série que possuam muitos livros como "The house of night", pois fica muitos livros e parece que a autora tá te enrolando em vez de ir ao ponto "certo". O negocio sobre vampiro, por mais que digam que já e clichê, sempre me agradou pois gosto de livros fictícios. Mas eu já conhecia a série Bloodlines,também escrita pela autora, se as Vampire Academy for "o mesmo estilo" que esta série não me arrependerei se vier a ler estes livros, até por que eles tão baratinhos nas lojas onlines.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tânia! Realmente, quando os autores começam a aumentar muito a quantidade de livros fica chato. Nem comento sobre House of Night, adorava os primeiros livros mas não consegui continuar, enrolado demais. Mas VA, até onde eu sei, sempre foram 6 livros, e a autora finalizou ali mesmo. Agora tem o spin-off, mas a história é diferente, aí não ficou enrolação, sabe? Também não consigo enjoar de livros de vampiros, não importa o quanto eu leia rs.
      É mais ou menos no mesmo estilo de Bloodlines sim, e se você já gostou do spin-off, com certeza vai gostar da série principal. São bem baratos mesmo, se você tiver a oportunidade leia, vale muito a pena :)

      Beijos

      Excluir
  4. Oi Adri,
    Já ouvi muito falar desta série mas nunca a li.
    Sua resenha me deixou bastante curiosa sobre ela. Quem sabe este ano não comece a lê-la?
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marina! Se você gosta de histórias de vampiros, com certeza vai gostar da série! E se não costuma gostar, tente ler também, porque a série é ótima! rs

      Beijos

      Excluir
  5. OLá Adri.

    Nossa essa série parece realmente boa, eu fiquei um pouco cansada do tema fantasia/vampiro. Mas acho que essa série tem tudo para me agradar, pena que antes eu precise ler muitos livros parados na minha estante, mas esses eu gostaria de ler sim.

    Beijos Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fer! Também cansei dos temas de vampiros, mas eu tenho uma dificuldade imensa em classificar VA como uma série de vampiros, sabe? Nunca é a primeira coisa que me vem na cabeça quando tento definir sobre o que a série é, não sei explicar. Mas vale a pena ler, se você tiver a oportunidade, leia :)

      Beijos

      Excluir
  6. Oi Adri!!
    A cada dia que passa (e a cada promoção na submarino) me dá mais vontade ainda de ler essa série! Ainda mais depois de ler suas resenhas...
    Vou começar a ler ainda esse ano.
    Beijos
    Mari

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana! Vale muito a pena, tomara que você goste! :)

      Beijos

      Excluir
  7. Faz tempo que desejo essa serie, vi uma promoção ótima no submarino mas tava lisa... rsrsrsrs. Quando tiver de novo eu compro... rsrs <3


    Abçs Adri :)

    ResponderExcluir
  8. Nossa, adoro essa série. Comprei a coleção toda numa promoção da submarino e li tudo em menos de 1 semana. A Richelle é uma diva, amo os livros dela, a série do Súcubo é ainda melhor que essa!
    Beijos
    www.romanceseleituras.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa! É viciante, né? Se você tem todos os livros em mãos, não tem nem como esperar. Só não fiz isso também porque quando li os últimos dois não tinham saído ainda, mas foi um desespero para esperar rs. Sério que você gosta mais de Súcubo? Eu ainda não li essa, mas tenho que ler rs

      Beijos

      Excluir

Tecnologia do Blogger.