Traição em Família - David Baldacci:
Série: Sean King & Michelle Maxwell #4
Editora: Arqueiro
Número de páginas: 384
Classificação: 5/5

Resenha:
Esse livro foi disponibilizado para resenha pela Editora Arqueiro, parceira aqui do blog. Nunca tinha ouvido falar dele antes de ver nos lançamentos da editora, mas gostei bastante da sinopse e resolvi ler. Só descobri depois que faz parte de uma série dos personagens, e que esse é o quarto livro, mas li do mesmo jeito.

Livros assim são com histórias independentes, então dá pra entender as coisas normalmente sem ter lido os outros, mas eu prefiro ler sempre na ordem porque assim você conhece mais a história dos personagens e tal, mas enfim.

Sean King e Michelle Maxwell são ex-agentes expulsos do Serviço Secreto, e agora são investigadores particulares. Eles são contratados pela Primeira Dama para achar sua sobrinha, Willa, que foi sequestrada no dia de seu aniversário de 12 anos.

Eles não têm muitas pistas. Não encontram um motivo lógico para Willa ter sido levada e a mãe assassinada, se as outras crianças foram somente dopadas e o pai levou uma pancada na cabeça. Eles pretendem investigar tudo, mesmo que acabe trazendo a tona histórias que certas pessoas preferiam deixar enterradas no passado.

A investigação não é fácil, pois aparentemente tem gente ocultando histórias que seriam muito importantes para desvendar o caso. E, enquanto isso, Willa está nas mãos do sequestrador. Além de tudo isso, a mãe de Michelle é assassinada, e o maior suspeito é o pai dela. E ela precisa desvendar esse crime também.

O livro é surpreendente, cheio de reviravoltas, você sabe quem é o sequestrador praticamente desde o início, mas isso não estraga a história, porque você não sabe o motivo disso, e vai cada vez ficando mais interessante. Eu precisei me segurar para não ir olhar o final do livro de tão curiosa que eu estava, e olha que eu NUNCA faço isso, porque eu odeio estragar a história.

Sobre os personagens, o Sean me lembra MUITO o Booth de Bones, então eu me apaixonei por ele na hora *--*. E a Michelle é uma ótima personagem, ela me lembra algum outro personagem, mas eu mão consigo lembrar quem, só sei que eu adorei ela. Os outros personagens são todos muito bem construídos, e eu não vou falar de cada um senão eu não paro nunca.

A edição da Arqueiro é ótima, a capa é bonita, a diagramação é simples, mas muito bem feita, e eu não notei erros de digitação ou de ortografia. É um livro incrível, que me fez ter vontade de sair lendo tudo o que o autor escreveu. Só tenho mais uma coisa a dizer para vocês: leiam o livro, recomendo demais. Estou correndo atrás dos outros em inglês para ler logo, porque os em português, por terem sido lançados pela Rocco, são super caros, além de eles não serem mais publicados.

Série:
1. Split Second (resenha)
2. Hour Game (resenha)
3. Simple Genius (resenha)
4. Traição em Família
5. O Sexto Homem (resenha)
6. King and Maxwell.


Tecnologia do Blogger.